Prefeitura Municipal de Vitória

Atalhos de teclado:

Acesso rápido


Direito à Alimentação

O direito à alimentação adequada foi reconhecido como direito fundamental para a dignidade humana pela lei federal nº 1.346/06, a Lei de Segurança Alimentar e Nutricional, de 2006. Em Vitória, o Restaurante Popular, o Banco de Alimentos e ações educativas de Segurança Nutricional são desenvolvidos para assegurar de forma sustentável o direito à alimentação em quantidade, qualidade e regularidade.

Banco de Alimentos estimula a solidariedade e combate o desperdício

Marcos Salles

mãos seguram punhado de feijão retirado de um saco

O Banco de Alimentos Herbert de Souza (BAHS) representa uma importante ação de combate ao desperdício de alimentos, de enfrentamento à fome e de estímulo à solidariedade no município.

O BAHS recebe doações de alimentos semiperecíveis, que compõem a cesta básica, e os distribui às famílias atendidas nos programas da Secretaria de Assistência Social de Vitória (Semas). Conforme a quantidade de alimentos arrecadados, outras famílias de baixa renda e instituições socais da capital também são beneficiadas.

A população pode fazer doações ao Banco de Alimentos de segunda a sexta-feira, das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas.

Onde fica

 Rua Comissário Octávio Queiroz, 520, Armazém I da Conab, Jardim da Penha - Ver no mapa
Telefone: (27) 3224-6621

Última atualização em 14/02/2017

Voltar para o topo

Ações de educação alimentar buscam combater obesidade e outras doenças

Elizabeth Nader

Kombi com alimentos arrecadados no Passeio Ciclístico descarrega os donativos no asilo dos Idosos

(Ampliar imagem)

Marcos Salles

laranja e cenouras vindas de agricultura familiar sem agrotóxico

A Prefeitura de Vitória desenvolve ações de Educação Alimentar e Nutricional (EAN) visando à conscientização para a prática de bons hábitos alimentares, o combate ao sobrepeso, à obesidade, a doenças crônicas e à alimentação inadequada.

As ações de EAN têm como objetivo ampliar a divulgação de informações sobre hábitos alimentares saudáveis e a sua relação com a promoção do bom estado de saúde, revertendo o quadro de desinformação sobre educação alimentar e nutricional. Essas ações são desenvolvidas pelo Programa de Segurança Alimentar. 

As atividades são realizadas, mensalmente, com os usuários do Restaurante Popular de Vitória, famílias beneficiárias do Banco de Alimentos, usuários dos programas sociais da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) e nas Academias Populares de Vitória.

Serviços prestados

  • Orientações nutricionais;
  • Avaliações antropométricas;
  • Inquérito alimentar;
  • Palestras dinâmicas;
  • Aulas teóricas e práticas;
  • Apresentações teatrais;
  • Exibição de vídeos.

Onde participar

Última atualização em 22/07/2014

Voltar para o topo

Cesta básica é distribuída como benefício socioassistencial

Carlos Antolini

Funcionários colocam alimentos em sacola

A cesta de alimentos é um benefício eventual concedido para atender necessidades advindas de situações de vulnerabilidade temporária. Cada família poderá requerer até quatro cestas de alimentos por ano, considerando que a partir do 2º requerimento, somente poderá ser concedida cesta de alimentos após realização de visita domiciliar pela equipe técnica do serviço.

Cada CRAS recebe uma quantidade limitada de cestas de alimentos por mês, devendo atender conforme o surgimento da demanda e até durar o estoque.

 Quem pode se cadastrar

A família deve ter cadastro no CRAS com dados atualizados (veja documentos necessários para cadastro no CRAS) e ter renda familiar mensal de até R$ 77,00 por pessoa. Para requerer o benefício a família pode procurar o CRAS do território e apresentar os documentos necessários.

Para concessão do benefício cesta de alimentos, será considerada renda familiar o somatório de todos os rendimentos mensais brutos de todos os integrantes do grupo familiar, considerando os benefícios socioassistenciais. 

Documentos necessários

  • Carteira de Trabalho
  • comprovante de renda
  • laudo médico que comprove a impossibilidade ou o impedimento para o trabalho
  • comprovante de residência
  • cartão de consulta médica
  • Certidão de Nascimento e cartão de vacina dos filhos menores de 14 anos;
  • Comprovante de escolaridade de filhos maiores de sete anos.

Última atualização em 11/11/2014

Voltar para o topo

Confira as dicas para uma alimentação saudável

Carlos Antolini

Travessa com uva, abacate, goiaba, maçã, melancia, caju, melão e abacaxi

Elizabeth Nader

Prato de amlimento com arroz, feijão, salada de alface e tomate, ovo e carne de frango

  • Faça pelo menos três refeições (café da manhã, almoço e jantar) e dois lanches saudáveis por dia. Evite pular as refeições.
  • Inclua diariamente, nas refeições, seis porções do grupo dos cereais (arroz, milho, trigo, pães e massas), tubérculos como as batatas e raízes como a mandioca/macaxeira/aipim. Dê preferência aos grãos integrais e aos alimentos naturais.
  • Coma diariamente pelo menos três porções de legumes e verduras como parte das refeições e três porções ou mais de frutas nas sobremesas e lanches.
  • Coma feijão com arroz todos os dias ou, pelo menos, cinco vezes por semana. Esse prato tipicamente brasileiro é uma combinação completa de proteínas e bom para a saúde.
  • Consuma diariamente três porções de leite e derivados e uma porção de carnes, aves, peixes ou ovos. Retirar a gordura aparente das carnes e a pele das aves antes da preparação torna esses alimentos mais saudáveis.
  • Consuma, no máximo, uma porção por dia de óleos vegetais, azeite, manteiga ou margarina. Fique atento aos rótulos dos alimentos e escolha aqueles com menor quantidade de gorduras trans.
  • Evite refrigerantes e sucos industrializados, bolos, biscoitos doces e recheados, sobremesas doces e outras guloseimas como regra da alimentação.
  • Diminua a quantidade de sal na comida e retire o saleiro da mesa. Evite consumir alimentos industrializados com muito sal (sódio), como hambúrguer, charque, salsicha, linguiça, presunto, salgadinhos, conservas de vegetais, sopas, molhos e temperos prontos.
  • Beba pelo menos dois litros (seis a oito copos) de água por dia. Dê preferência ao consumo de água nos intervalos das refeições.

Torne sua vida mais saudável. Pratique pelo menos 30 minutos de atividade física todos os dias e evite as bebidas alcoólicas e o fumo. Mantenha o peso dentro de limites saudáveis.

Última atualização em 21/07/2014

Voltar para o topo

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 3382-6000 (Atendimento ao público de 12h às 19h)
Voltar ao topo do site