Prefeitura Municipal de Vitória

Atalhos de teclado:

Notícias

PMV recebe empresários e comunidade científica para tratar do Parque Tecnológico

Publicada em 10/05/2018, às 12h59 | Atualizada em 10/05/2018, às 17h05

Por Tarcísio Costa (tcosta@vitoria.es.gov.br) | Com edição de SEGES/SUB-COM

Com colaboração de Jaldecy Pereira


Gabinete do Prefeito

Reunião sobre Parque Tecnológico

Representantes de vários segmentos estiveram reunidos para discutir a implantação do Parque Tecnológico (Ampliar imagem)

Foram 2h30 de discussão em torno de um dos temas mais importantes do novo Plano Diretor Urbano (PDU) de Vitória, documento que estabelece o rumo da capital para os próximos 10 anos. De maneira mais específica, o projeto do Parque Tecnológico, que deverá ser erguido em Goiabeiras, foi discutido mais uma vez com o prefeito Luciano Rezende.

O encontro, que aconteceu na noite desta quarta-feira (9), na sala de reuniões do gabinete do prefeito, envolveu empresários, moradores da região, comunidade científica, um representante da família Dadalto, vereadores e secretários municipais e permitiu um amplo diálogo sobre a possibilidade de uso misto da área destinada ao parque, com moradias e empresas. O grupo tratou de questões jurídicas, estruturais, impacto local, logística, entre outras.

"Essa reunião ajuda na formulação do parecer da Procuradoria Geral do Município (PGM) que virá para mim. As secretarias estão trabalhando para que a decisão da Prefeitura seja em torno do interesse público maior. O PDU é o tema mais importante que uma cidade pode discutir. Ele dá a direção para o município no futuro", disse o prefeito.

Desenvolvimento

O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Espírito Santo (Findes), Léo de Castro, elogiou a iniciativa do debate. "Vitória dá um exemplo na discussão do seu PDU, o instrumento mais importante para o crescimento e o futuro de uma cidade. A Findes sabe que a vocação tecnológica pode trazer um novo ciclo para o desenvolvimento do Estado", disse ele, acrescentando ainda que o local onde deverá ser instalado o Parque Tecnológico fica perto da BR-101, do novo aeroporto, da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) e da própria Findes.

Empreendedorismo

O secretário geral do Sindicato das Empresas Industriais de Informática, de Hardware e Software, Robótica, Manutenção e Desenvolvimento e Atividades Correlatas, Similares ou Conexas, no Âmbito do Estado do Espírito Santo (Sindinfo), Franco Machado, citou uma pesquisa que aponta a capital capixaba como a terceira cidade mais empreendedora do País.

"A capital do Espírito Santo tem esse título, apesar de não ter um parque tecnológico. É preciso mudar essa realidade", defendeu Franco.

Solução

Representando a Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação do Espírito Santo (Assespro-ES), Ivan Vargas lembrou que o tema está na pauta de discussão há mais de 20 anos.

"A conta final é muito simples: Vitória não tem espaço para se instalar empresas. Estamos abertos ao diálogo. Aquela área é muito pequena para se instalar empresas e, por isso, não acredito que deva ser de uso misto (empresas e residências). Juntos, podemos chegar a uma solução muito interessante", salientou Ivan.

PDU

O PDU é uma lei municipal que define como devem ser o crescimento e o funcionamento de uma cidade. Ele estabelece, entre outras coisas, regras para temas como moradia, implantação de atividades econômicas e definição de áreas ambientais.


Para dúvidas ou informações sobre os serviços da Prefeitura, ligue 156 ou use o serviço on-line.


Voltar para o topo

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1.927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 3382-6000 (Atendimento ao público de 12h às 19h)
Voltar ao topo do site