Prefeitura Municipal de Vitória

Atalhos de teclado:

Notícias

Contenção em Jesus de Nazareth terá contratação emergencial

Publicada em 06/02/2018, às 12h13 | Atualizada em 06/02/2018, às 15h25

Por Marcus Monteiro (mmonteiro@vitoria.es.gov.br) | Com edição de Matheus Thebaldi


Diego Alves

Deslizamento de bloco de pedra em Jesus de Nazareth

Prefeitura fará contratação emergencial de empresa para obra de contenção de rochas em Jesus de Nazareth (Ampliar imagem)

A Prefeitura de Vitória concluiu nesta última segunda-feira (5) a vistoria na encosta do bairro Jesus de Nazareth, onde duas pedras rolaram na última semana. Outras duas apresentam risco de movimentação.

Uma contratação emergencial está em curso, e a meta da Secretaria Municipal de Obras e Habitação (Semohab) é iniciar a obra de contenção das rochas na primeira quinzena de março e concluí-la até o final do mês de julho.

Cinco imóveis logo abaixo do local do sinistro foram interditados e as famílias receberam orientação de procurar abrigo na casa de parentes ou aceitarem a transferência temporária para o abrigo da Prefeitura de Vitória. Todas recusaram as propostas.

Outras duas famílias de uma casa ao lado das residências interditadas foram notificadas sobre o risco de permanecerem no local caso volte a chover. A elas também foi ofertada a transferência temporária para o abrigo da administração municipal.

Celeridade

"Estamos tratando esse evento com a celeridade que o caso exige. Uma licitação normal dura até seis meses. Vamos fazer o projeto, orçamento e licitação em um mês. Nossa equipe está empenhada. Já estamos com o projeto de intervenção concluído. Agora é orçar, licitar e contratar a empresa que vencer a licitação", disse o secretário de Obras e Habitação Sérgio Sá.

Entenda o caso

Diego Alves

Deslizamento de bloco de pedra em Jesus de Nazareth

Após fortes chuvas, duas pedras rolaram da encosta, mas foram contidas logo abaixo por uma canaleta de concreto construída para direcionar a água (Ampliar imagem)

Dia 31 de janeiro (quarta-feira)
Após fortes chuvas, duas pedras rolaram da encosta, mas foram contidas logo abaixo por uma canaleta de concreto construída para direcionar a água que desce. Outras duas pedras apresentam risco. No mesmo dia, a Defesa Civil foi ao local e interditou a área.

Dia 1º de fevereiro (quinta-feira)
Uma equipe da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Serviços Urbanos (Semmam) fez a limpeza do local, cortando uma árvore e retirando a vegetação para facilitar a análise do risco. Dois engenheiros da Semohab vistoriaram o local e iniciaram o projeto de contenção.

Dia 2 de fevereiro (sexta-feira)
Profissionais das secretarias de Obras e Habitação (Semohab) e da Fazenda (Semfa) trabalharam para alocar os recursos necessários para a realização das intervenções e iniciaram a instrução do processo que resultará na licitação.

Dia 5 de fevereiro (segunda-feira)
O projeto foi concluído e encaminhado para orçamento. A próxima etapa é licitar a obra, o que deverá acontecer em tempo recorde.

A Defesa Civil mantém um esquema de vistoria de áreas de risco na capital. Uma equipe está 24 horas de prontidão para atender a população, que pode acioná-la pelo número (27) 98818-4432.


Para dúvidas ou informações sobre os serviços da Prefeitura, ligue 156 ou use o serviço on-line.


Voltar para o topo

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1.927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 3382-6000 (Atendimento ao público de 12h às 19h)
Voltar ao topo do site