Prefeitura Municipal de Vitória

Atalhos de teclado:

Notícias

Cidade educadora: turismo integrado ao conhecimento em Vitória

Publicada em 06/04/2018, às 14h17

Por Melissa Künsch (mwkunsch@vitoria.es.gov.br) | Com edição de Matheus Thebaldi


Carlos Antolini

ENCONTRO BRASILEIRO DE CIDADES EDUCADORAS

Participantes do Encontro Nacional de Cidades Educadoras foram conhecer a Praça da Ciência (Ampliar imagem)

Carlos Antolini

ENCONTRO BRASILEIRO DE CIDADES EDUCADORAS

Visitantes se divertiram nos equipamentos, que misturam diversão e conhecimentos de Física (Ampliar imagem)

Gestores de vários estados do Brasil que participaram esta semana do Encontro Nacional de Cidades Educadoras foram ver de perto equipamentos educadores de Vitória que são integrados ao turismo, nesta sexta-feira (6).

O primeiro local visitado foi a Praça da Ciência, na Enseada do Suá. Visitantes do Paraná, Amazonas, Ceará, Minas Gerais e outros estados se divertiram nos equipamentos, que misturam diversão e conhecimentos de Física.

Secretária de Cultura e primeira-dama da cidade de Horizonte, no Ceará, Vânia Dutra foi uma das participantes que aprovaram o espaço como forma de aliar práticas divertidas de ensino e de turismo.

"Achei a proposta da Praça da Ciência muito inovadora. Inclusive vamos levar daqui algumas ideias para nossa cidade, como o 'xilofone', que pode ser adaptado para as oficinas de música que oferecemos em nosso centro de artes", destacou a cearense.

Carlos Antolini

ENCONTRO BRASILEIRO DE CIDADES EDUCADORAS

Escola da Ciência - Biologia e História também recebeu a visita dos gestores (Ampliar imagem)

Carlos Antolini

ENCONTRO BRASILEIRO DE CIDADES EDUCADORAS

Visitantes tiveram a oportunidade de saber mais da história da capital e seus monumentos (Ampliar imagem)

Ciência

Depois de verem que é possível aliar Física e divertimento, os participantes do evento foram para a Escola de Ciência – Biologia e História, localizada no Sambão do Povo, em Mário Cypreste.

Por lá, monitores da escola falaram sobre os ecossistemas de Vitória, com grande destaque para o manguezal – o maior em uma região metropolitana do País – e para as espécies marinhas. Além disso, a fauna da região de Mata Atlântica encontrada nas zonas de proteção ambiental da cidade e a história da capital também foram abordadas.

Os visitantes se mostraram muito curiosos com o local e com as informações apresentadas e destacaram como esse equipamento é importante para ensinar estudantes e turistas sobre a cidade e o meio ambiente.

"Achei fantástica essa ideia do estudante se apropriar da cidade como um meio de aprendizado", enfatizou Arminda Aparecida de Oliveira, da Secretaria de Educação de Belo Horizonte, Minas Gerais.

Depois, eles foram a uma das zonas protegidas do município de Vitória, o Parque da Fonte Grande. Lá de cima, a 309 metros de altura, puderam entender mais da Geografia da cidade e suas dimensões.

Encontro

O VII Encontro Brasileiro de Cidades Educadoras foi organizado pela Rede Brasileira de Cidades Educadoras (Rebrace) e contou com o apoio do Ministério da Saúde e Organização Pan-Americana de Saúde (Opas).

O encontro, que teve o tema "Criando Espaços de Convivência Segura e Sustentável", possibilitou trocas de experiências entre os municípios, principalmente, sobre as temáticas de mobilidade segura e enfrentamento de violências, numa abordagem integral, intersetorial e totalizante da promoção da saúde.

Cidade Educadora

Vitória é a sede nacional da Associação Internacional das Cidades Educadoras (AICE), que trabalha para que a educação seja o eixo transversal de todas as políticas locais, tomando consciência e reforçando o potencial educador das atuações e programas de saúde, meio ambiente, urbanismo, mobilidade, cultura e desporto.

No período de três anos, a contar de 2017, a capital irá organizar reuniões, conduzir trabalhos e expandir o número de cidades participantes. São cerca de 500 cidades no mundo ligadas à entidade. No Brasil, são apenas 14 cidades e, no Espírito Santo, apenas Vitória é uma cidade educadora, desde 2013.

Carlos Antolini

ENCONTRO BRASILEIRO DE CIDADES EDUCADORAS

Participantes do evento tiveram a oportunidade de contemplar as belezas da capital do alto do Parque da Fonte Grande (Ampliar imagem)

Carlos Antolini

ENCONTRO BRASILEIRO DE CIDADES EDUCADORAS

Visita ao Parque da Fonte Grande permitiu que gestores conhecessem mais a Geografia e dimensões da cidade (Ampliar imagem)


Para dúvidas ou informações sobre os serviços da Prefeitura, ligue 156 ou use o serviço on-line.


Voltar para o topo

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1.927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 3382-6000 (Atendimento ao público de 12h às 19h)
Voltar ao topo do site