Prefeitura Municipal de Vitória

Atalhos de teclado:

Notícias

Viradão Vitória: roda de samba e música afro agitam Mucane

Publicada em 08/09/2018, às 17h56 | Atualizada em 08/09/2018, às 18h14

Por SEGES/SUB-COM | Com edição de SEGES/SUB-COM

Com colaboração de Josué de Oliveira


Leonardo Silveira

Viradão Vitória 2018 - Roda de samba com o grupo Samba Pras Moças

Roda de samba do grupo Samba Pras Moças agitou o público no Mucane (Ampliar imagem)

Leonardo Silveira

Viradão Vitória 2018 - Roda de samba com o grupo Samba Pras Moças

Grupo apresentou clássicos de mulheres que marcaram o samba no País (Ampliar imagem)

O Museu Capixaba do Negro (Mucane) abriu suas portas na tarde deste sábado (8) para uma tarde repleta de samba, danças urbanas e muita animação, dentro da programação do Viradão Vitória.

E a mulherada do grupo Samba Pras Moças foi quem comandou a festa, que homenageou diversas compositoras e sambistas brasileiras, entre elas, dona Ivone Lara. Os principais clássicos não foram esquecidos durante o evento, que reuniu jovens, adultos e famílias inteiras.

Entre um samba e outro, a moradora do Centro de Vitória Camile Silva valorizou a realização do Viradão Vitória 2018. Segundo ela, o evento está promovendo a cultura e oferecendo segurança para o público.

"A Prefeitura mandou muito bem. E o melhor é que todo mundo pode aproveitar. Hoje trouxe as crianças. Ontem meus avós foram à Rua Sete. É diversão para todas idades e com segurança", destacou.

Leonardo Silveira

Viradão Vitória 2018 - Roda de samba com o grupo Samba Pras Moças

(Ampliar imagem)

Leonardo Silveira

Viradão Vitória 2018 - Roda de samba com o grupo Samba Pras Moças

(Ampliar imagem)

Quem reforçou a importância do evento foi Tarcísio da Silva. Morador de Virória, ele torce para que o Viradão aconteça todos os anos. "A gente está carente de cultura. E isso aqui é o povo curtindo com alegria. E espero que se repita outras vezes porque a gente precisa de diversão e alegria", disse.

Outras atrações

E não foi só o samba que animou o público no Mucane no segundo dia do Viradão. O grupo de dancas urbanas Negraô fez uma apresentação de empoderamento da população negra e com ritmos da cultura afro.

Referência na dança local, o grupo sempre teve como missão difundir a cultura afrobrasileira. Pioneiro no Estado, ao oficializar uma companhia de dança afro profissional, o grupo tem como diretriz a capacitação constante de seus componentes efetivos, além da formação de novos dançarinos por meio do aulão de dança afro, que acontece há 22 anos.

Exposição

O público também conferiu a exposição “Afro-Tons De Zacimbas a Suelys: Vozes e Olhares Múltiplos”, em cartaz no Mucane. O trabalho apresenta um painel fotográfico e imagético da produção artística de mulheres negras e trata de empoderamento, afro-sororidade e resistência.

Leonardo Silveira

Viradão Vitória 2018 - Exposição Vozes e Olhares Múltiplos

O público também conferiu a exposição "Afro-Tons De Zacimbas a Suelys: Vozes e Olhares Múltiplos" (Ampliar imagem)

Leonardo Silveira

Viradão Vitória 2018 - Exposição Vozes e Olhares Múltiplos

Exposição traz painel da produção artística de mulheres negras e trata de empoderamento, afro-sororidade e resistência (Ampliar imagem)


Para dúvidas ou informações sobre os serviços da Prefeitura, ligue 156 ou use o serviço on-line.


Voltar para o topo

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1.927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 3382-6000 (Atendimento ao público de 12h às 19h)
Voltar ao topo do site