Prefeitura Municipal de Vitória

Atalhos de teclado:

Notícias

Projeto Orla: semana de oficina para planejar intervenções

Publicada em 03/12/2018, às 18h18 | Atualizada em 04/12/2018, às 18h33

Por Naira Scardua (nascardua@vitoria.es.gov.br) | Com edição de Matheus Thebaldi


Divulgação Seges

Gestão das praias

Secretário Vander Borges participou da oficina e destacou a importância da colaboração da comunidade para a execução do Projeto Orla (Ampliar imagem)

Começou nesta segunda-feira (3) a primeira oficina do Projeto Orla para estudar e elaborar um plano de intervenção na região costeira de Vitória. Cerca de 40 pessoas de diversos setores participaram da atividade, que aconteceu na Escola Técnica e Formação Profissional de Saúde (Etsus).

O secretário de Gestão, Planejamento e Comunicação, Vander Borges, destacou a importância do início das oficinas e da participação de diversos representantes da sociedade que têm relação com a orla, como pescadores, donos de quiosques, empresas de turismo, paneleiras, donos de escolinhas de esporte e da comunidade em geral.

"É um trabalho importante que precisa ser feito com a colaboração de representantes de vários setores da sociedade, principalmente, com as pessoas que vivem de perto a realidade de cada região da nossa orla, como Camburi, Jesus de Nazareth, Ilha das Caieiras, Santo Antônio... Cada um desses lugares tem suas características próprias e terá um olhar diferenciado durante os trabalhos do Projeto Orla", destacou.

Contribuição da população

Entre os participantes, havia pessoas ligadas a projetos que acontecem na orla, gestores públicos, representantes de entidades e moradores. Cada um vai colaborar para a construção do planejamento de ações.

Weverton Paes é representante da ONG Mão na Massa e fez questão de participar. "Sou morador da região da orla de Maria Ortiz, sei bem os desafios que temos naquela área e posso contribuir com sugestões. Acredito que esse programa vai promover melhorias de acordo com a necessidade da população", enfatizou.

Projetos

Flávio Almeida

Pessoas sentadas em uma sala de reunião

Oficina do Projeto Orla para estudar e elaborar um plano de intervenção na região costeira de Vitória acontece na Etsus e vai até sexta-feira (7) (Ampliar imagem)

Vários projetos já estão sendo implantados e planejados na região da orla da capital pela PMV, e a subsecretária de Gestão Urbana da Secretaria de Desenvolvimento da Cidade (Sedec), Clemir Meneguel, falou sobre alguns deles.

"Nós temos vários projetos em andamento, como Orla Noroeste, o Atlântica Parque, intervenções na Praça do Papa, Curva da Jurema e praia de Camburi, tudo feito em conformidade com as regras da Secretaria de Patrimônio da União. Os participantes da oficina precisam conhecer essas ações para ter como diretriz em projetos futuros", afirmou Clemir.

Comunidade tem o papel principal

Douglas Cerqueira, consultor da empresa Visão Ambiental, que vai executar o projeto de pesquisa, passou diversas informações sobre a metodologia do Projeto Orla e também sobre a região costeira, que tem as mais diversas características, como manguezais, mar aberto e mar fechado.

"Agora que os participantes receberam as informações, eles passam a ser os 'atores principais' desse processo. É a comunidade que vai fazer o diagnóstico dos desafios e das potencialidades, além de fazer as propostas de resolução e a indicação dos recursos para as ações", explicou o consultor.

É justamente o que a Elbamar Caversan pretende: participar ativamente de cada processo para melhorar a utilização da orla. Ela é presidente da Associação de Moradores do bairro Segurança do Lar, na Grande Goiabeiras. 

"Estou muito feliz em poder participar desse programa, não só para ganhar conhecimento, mas também para ajudar com sugestões. Nossa orla de Maria Ortiz, por exemplo, tem um potencial turístico muito grande, que precisa ser bem aproveitado", finalizou.

Projeto Orla

O “Projeto Orla” é uma das contrapartidas assumidas pela Prefeitura de Vitória desde que recebeu da Superintendência de Patrimônio da União (SPU) a responsabilidade de gestão de todas as praias do município. O termo de adesão foi publicado no Diário Oficial da União no dia 17 de agosto de 2017. Vitória foi a primeira cidade do país a aderir ao projeto de Gestão municipal das Praias.

O Projeto Orla é uma ação iniciada no âmbito do Governo Federal, através do Ministério do Meio Ambiente e Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, os quais tem como representantes nos Estados, o Instituto Estadual do Meio Ambiente (Iema) e a Secretaria do Patrimônio da União (SPU).


Para dúvidas ou informações sobre os serviços da Prefeitura, ligue 156 ou use o serviço on-line.


Voltar para o topo

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1.927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 3382-6000 (Atendimento ao público de 12h às 19h)
Voltar ao topo do site