Prefeitura Municipal de Vitória

Atalhos de teclado:

Notícias

Primeira consulta pública do BID reúne lideranças de diversos bairros de Vitória

Publicada em 06/06/2018, às 18h21

Por Alexandre Lemos (aljunior@vitoria.es.gov.br) | Com edição de SEGES/SUB-COM


André Sobral

Primeira Consulta Pública - BID

Subsecretária de Gestão Urbana de Vitória, Clemir Pela Meneghel, apresentou as intervenções que serão feitas com o programa (Ampliar imagem)

André Sobral

Primeira Consulta Pública - BID

Antonio Claudino de Jesus explicou que o programa vai permitir requalificar os espaços públicos na Orla Noroeste (Ampliar imagem)

A Prefeitura de Vitória realizou, nesta última terça-feira (5), a primeira consulta pública para apresentação do Programa de Requalificação da Orla Noroeste e Segurança Cidadã de Vitória e do Relatório de Avaliação Ambiental e Social (RAAS).

O evento reuniu moradores de diversos bairros, como Forte São João, Fonte Grande, Jardim Camburi, Morro do Quadro, Santa Helena, Bento Ferreira, Mário Cypreste, Comdusa, Santo Antônio, Praia do Canto, Mata da Praia, entre outros.

As consultas são mais um passo para a definição final do Programa Vitória Sustentável – 1ª etapa, que prevê a captação de recursos externos.

Na ocasião, houve a apresentação do Relatório de Avaliação Ambiental e Social (RAAS), bem como do programa revisado, e dos seus aspectos financeiros, legais e institucionais. A segunda consulta pública do BID acontece nesta quinta-feira (7), às 19 horas, na Unidade de Saúde de Nova Palestina, no bairro Conquista.

Obras e investimentos

O titular da Secretaria de Gestão, Planejamento e Comunicação (Seges), Vander Borges, explicou que será feita uma série de obras e investimentos na cidade, tudo planejado e pensado para que seja executado o que for prioritário.

"Essa é uma etapa importante e obrigatória dentro dos requisitos que o BID solicita para formalização da captação. E os investimentos que serão realizados dentro do projeto vão trazer uma profunda transformação, principalmente, na região da Orla Noroeste", pontuou.

O assessor especial de Captação de Recursos da Seges, Antonio Claudino de Jesus, explicou os objetivos do programa. "Vamos requalificar os espaços públicos através do desenho urbano da orla com calçadas, pista de rolamento, deques, ciclovias, píeres, atracadouros, jardins, mobiliário urbano, entre outros serviços", disse.

"Além disso, vamos contribuir para a melhoria da mobilidade urbana da região, fomentar as atividades econômicas e, ainda, implantar e reformar equipamentos públicos", acrescentou Claudino.

A subsecretária de Gestão Urbana de Vitória, Clemir Pela Meneghel, e o subsecretário de Controle Ambiental, Paulo Sérgio Bello Barbosa, apresentaram as intervenções que serão realizadas na cidade com o financiamento.

"Queremos favorecer a ocupação dos espaços públicos. As obras visam valorizar e modernizar os equipamentos e as ruas. Vamos recuperar manguezais, fazer regularização fundiária, integração cicloviária e várias outras obras com cunho mais social, como escolas e unidades de saúde", disse Meneghel.

Relatório

O RAAS do Programa de Requalificação Urbana e Segurança Cidadã de Vitória, formulado no âmbito da Iniciativa Cidades Emergentes e Sustentáveis (Ices) do BID, consolida a análise socioambiental dos componentes e intervenções, cujas obras e ações são objeto de financiamento do BID.

Nesse sentido, o estudo tem como objetivo avaliar o programa como um todo, identificando os impactos decorrentes das obras e ações que integram os seus componentes e subcomponentes.

Marlon Rogério Rocha, geógrafo da JGP Consultoria e Participações, empresa contratada pelo BID, foi o responsável por apresentar o relatório. "Foram percebidos muitos impactos positivos com as intervenções propostas. Teremos requalificação da paisagem, geração de empregos locais, potencialização do turismo e até mesmo valorização imobiliária nas localidades que receberão os investimentos. Para isso, não será preciso nenhum tipo de desapropriação. Serão necessárias apenas pequenas medidas para prevenção de impactos".

Programa

O Programa Vitória Sustentável – 1ª etapa prevê investimentos no desenvolvimento urbano sustentável e competitividade da economia.

Os recursos são para novos investimentos em ações e projetos na cidade nos próximos anos, cujo pleito para a execução é de US$ 100 milhões, via Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Os trabalhos estão sendo coordenados pela Seges.

André Sobral

Primeira Consulta Pública - BID

Subsecretário de Controle Ambiental, Paulo Sérgio Bello Barbosa, também fez apresentação (Ampliar imagem)

André Sobral

Primeira Consulta Pública - BID

Geógrafo Marlon Rogério Rocha ponderou que haverá requalificação da paisagem, geração de empregos locais e potencialização do turismo na região (Ampliar imagem)


Para dúvidas ou informações sobre os serviços da Prefeitura, ligue 156 ou use o serviço on-line.


Voltar para o topo

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1.927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 3382-6000 (Atendimento ao público de 12h às 19h)
Voltar ao topo do site