Prefeitura Municipal de Vitória

Atalhos de teclado:

Acesso rápido

Notícias

Exposição sobre o congo tem oficina de produção de casaca de garrafa pet

Publicada em 04/04/2017, às 07h00 | Atualizada em 11/04/2017, às 12h56


Fraga Ferri

Exposição Congo entre nós

Exposição "Congo entre Nós" traz uma série de fotos de bandas dessa tradicional cultura popular

O congo é uma das manifestações mais tradicionais do Espírito Santo. Os tambores, o ritmo e as músicas são sinônimos da cultura popular do Estado. Celebrando essa expressão da cultura local, a Escola da Ciência - Biologia e História, no Sambão do Povo (veja no mapa), recebe a mostra fotográfica "O Congo entre Nós". Durante o percurso, o visitante pode também tocar o tambor e a casaca, para ter contato mais de perto com os instrumentos característicos do ritmo.

E tem mais. Quem visita a exposição pode também participar de uma oficina para produzir a sua própria casaca de garrafa pet. Não é necessário levar material. A atividade aconteceráo com grupo mínimo de 10 pessoas e máximo de 25 pessoas. Para participar, basta entrar em contato com a escola, no telefone 3332-1612, de segunda a sexta-feira, das 8 às 12 horas e 13 às 17 horas.

O objetivo é valorizar a cultura local, evidenciando a casaca, que é símbolo da cultura capixaba. A ideia é fazer um recorte que une religiosidade e música para contextualizar o conhecimento histórico e cultural de Vitória. Fazer o resgate das histórias das Irmandades do Rosário dos Pretos (peroás) e São Benedito (caramurus), que existem em Vitória desde os tempos de Vila, visa à valorização da cultura local.

"Além de contar a história dos peroás e caramurus, o congo será o eixo da oficina, uma vez que era e ainda é a base sonora das manifestações das Irmandades em suas procissões", disse o coordenador dos Centros Municipais de Ciência, Educação e Cultura, José Arlon Silva.

Congo entre Nós

A mostra fica em cartaz até o dia 30 de maio e conta com 12 fotos dos fotógrafos Aílton Antônio dos Santos Junior, Fraga Ferri, Juliana Casotto Pirchiner, Karoll Oliveira e Marlene Martins de Oliveira e curadoria de Fraga Ferri.

A exposição é um trabalho que faz parte dos 10 anos do projeto "Entre Comunidades", da Proex/Ufes, coordenado pela professora Marlene Martins de Oliveira.

O trabalho é uma forma de “resistência” e de dar visibilidade à cultura popular. A exposição reúne uma série de imagens das bandas de congo de Timbuí, Mirim São Benedito e Mirim Santa Clara Estrela Guia, do município de Fundão, além das indumentárias usadas nas manifestações festivas.


Informações à imprensa:

Carmem Tristão (ctristao@vitoria.es.gov.br) | Para dúvidas ou informações, use o Fala Vitória 156.

Com edição de SEGES/SUB-COM - Prefeitura de Vitória


Voltar para o topo

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 3382-6000 (Atendimento ao público de 12h às 19h)
Voltar ao topo do site