Prefeitura Municipal de Vitória

Atalhos de teclado:

Notícias

Encontros sobre história, lutas e conquistas das mulheres nas unidades do Cras

Publicada em 13/03/2019, às 18h28

Por Edlamara Conti (econti@vitoria.es.gov.br) | Com edição de Melissa Künsch


Elizabeth Nader

CRAS promove Roda conversa sobre Mulheres e Mercado

A Roda de conversa "Lugar da mulher é aonde ela quiser" foi promovida pela equipe do Cras Continental (Ampliar imagem)

Elizabeth Nader

Djanira Alves Costa no CRAS em Roda conversa sobre Mulheres e Mercado

A diarista Djanira Alves da Costa disse que ouvi pela primeira vez sobre a origem do Dia Internacional da Mulher (Ampliar imagem)

Aos 59 anos de idade, a diarista Djanira Alves da Costa ouviu, pela primeira vez na vida, a origem do Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março. Ela é uma das participantes da Roda de conversa “Lugar da mulher é aonde ela quiser”, promovida pelo Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Continental na tarde desta quarta- feira (13).

Para alcançar homens e mulheres como Djanira, equipamentos ligados à Secretaria Municipal de Assistência Social estão promovendo palestras e ações sobre o sentido das celebrações nessa data. "Muitas pessoas ainda não conhecem a história de lutas pelos direitos das mulheres. Precisamos estar sempre falando das conquistas ao longo dos tempos e dos desafios que ainda temos pela frente", disse a psicóloga Flávia Passos, que conduziu o diálogo.

"Essa palestra é muito boa, porque está falando de uma história muito importante para todo mundo, homens e mulheres", disse Djanira. O Cras Claudionor Lopes Pereira (Território Maruípe) também reuniu as famílias famílias acompanhadas pelo Programa de Atendimento Integral a Família (Paif) nesta quarta-feira para uma roda de conversa com o mesmo tema.

Conhecimento

A microempreendedora individual (MEI) Luana Nunes de Almeida ficou sabendo nesta tarde das lutas por igualdade de direitos, como o de estudar, exercer uma profissão, votar e se candidatar a cargos políticos. "Tenho 35 anos e já ouvi falar das lutas das mulheres, mas não sabia da origem da data e nem conhecia a história de sofrimentos e de preconceitos dessas mulheres. Acho que todos precisam ter acesso a essas informações", disse.

Já a promotora de eventos Ariana Alves de Oliveira, com 34 anos de idade e mãe de seis filhos homens, já conhecia bem a história. "Eu já frequento o Cras há 7 anos e participo de todas as ações e palestras sobre todos os assuntos, como saúde, empreendedorismo e meio ambiente", disse. Ela tenta educar os filhos com os mesmos princípios que aprendeu.

"Vivemos em uma sociedade machista, até as mulheres são machistas. Tento passar para meus filhos que a mulher é uma pessoa total, com todo potencial de trabalhar, ser livre e viver", disse.

Próximas ações

Cras Adriana dos Santos Alves (Região Continental) - Palestra "Mercado de Trabalho para as Mulheres", nesta quinta-feira (14), às 13h

Cras Valcenir Patrício dos Santos (Região Santo Antônio) - rodas de conversa e outras ações todas as quartas-feiras, das 8h às 9h30, e quintas-feiras, das 13h30 às 14h30, até o final do mês.

Cras Maria da Glória Monteiro Alves (Território Jucutuquara) - Roda de Conversa “Violência contra a mulher”, dia 20, às 14h, na Unidade de Saúde do Forte São João

Elizabeth Nader

Luana Nunes de Almeida no CRAS em Roda conversa sobre Mulheres e Mercado

Luana Nunes de Almeida, microempreendedora individual, se sentiu motivada com as informações que recebeu durante o evento (Ampliar imagem)

Elizabeth Nader

Ariana Alves de Oliveira no CRAS em Roda conversa sobre Mulheres e Mercado

Ariana Alves de Oliveira, que é promotora de eventos, tem seis filhos homens e falou que quer educá-los com os princípios que aprendeu nesta tarde (Ampliar imagem)


Para dúvidas ou informações sobre os serviços da Prefeitura, ligue 156 ou use o serviço on-line.


Voltar para o topo

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1.927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 3382-6000 (Atendimento ao público de 12h às 19h)
Voltar ao topo do site