Prefeitura Municipal de Vitória

Atalhos de teclado:

Acesso rápido

Notícias

Circuito Afro celebra empoderamento negro e aniversário do Mucane

Publicada em 15/05/2017, às 17h01

Por SEGES/SUB-COM - Prefeitura de Vitória | Com edição de SEGES/SUB-COM - Prefeitura de Vitória

Com colaboração de Leonardo Vais


Ingrid Rocha

Afro Centrão

Lavagem das escadarias foi um dos momentos mais marcantes do Afro Centrão (Ampliar imagem)

Ingrid Rocha

Afro Centrão

Na escadaria e igreja do Rosário, houve um mergulho na história da Irmandade de São Benedito (Ampliar imagem)

A região central da capital recebeu, no último sábado (13), o primeiro Afro Centrão: Circuito Afro do Centro Histórico de Vitória, evento que propôs a ressignificação da data, que historicamente desconsidera a vivência da população negra do Brasil, além de celebrar os 24 anos do Museu Capixaba do Negro "Veronica da Pas" (Mucane).

"Quero parabenizar não apenas o Mucane, mas todas as pessoas que ocupam e usam esse espaço democrático e o tornam cada vez mais vivo", afirmou o secretário municipal de Cultura, Francisco Grijó, durante o evento.

O trajeto contemplou espaços - entre a rua Barão de Monjardim e a região do Parque Moscoso - que atuam em defesa das questões étnico-raciais, através de diversas linguagens. Além disso, teve a proposta de dar visibilidade e protagonismo à luta da comunidade negra e sensibilizar a respeito da temática étnico-racial.

O evento começou no Mucane, com a apresentação do músico e instrutor do museu Léo de Paula, acompanhado de alunos da oficina de percussão. Na sequência, a socióloga e mestre em História Munah Malek Felicio apresentou um panorama da historiografia oficial do Dia da Abolição da Escravatura e como o negro é invisibilizado na construção da história do Brasil.

Ingrid Rocha

Afro Centrão

Tambores de congo deram o tom da lavagem das escadarias (Ampliar imagem)

Divulgação Semc

Afro Centrão

Alunos da oficina de percussão do Mucane fizeram apresentação cultural (Ampliar imagem)

Trajeto

O grupo saiu do Mucane na companhia do monitor Estevão Meireles, do projeto Visitar, que apresentou cada um dos espaços: Instituto das Pretas, Ponto Black, Raiz Forte, Espaço Hip Hop e Casa da Barão.

No Núcleo Afro Odomodê, aconteceu o sarau "EmpreteSENDO", que contou com a participação dos poetas Jackson Ferreira, Jaiara Dias, Janio Silva e Juplin Jones, além da intervenção de participantes que acompanhavam o trajeto.

Na escadaria e igreja do Rosário, um dos mais belos momentos do trajeto, houve um mergulho na história da Irmandade de São Benedito, através dos tambores de congo, da música e da poesia, para finalizar com a lavagem das escadarias.

Reverenciando a tradição e os 24 anos do Mucane, a Velha Guarda do Samba Capixaba apresentou o show "O Samba Pede Passagem", com clássicos da música produzida no Estado e em todo Brasil.

Mucane

O Museu Capixaba do Negro “Veronica da Pas” (Mucane) é um espaço de convergência de serviços destinados à população negra e à comunidade em geral. No local, acontecem cursos e oficinas de formação artística, além de espaços para o debate e exposições voltadas para a história e identidade negra.

Divulgação Semc

Afro Centrão

Thais Souto Amorim e secretário Francisco Grijó destacaram a importância do Mucane para a sociedade e valorização do negro (Ampliar imagem)

Ingrid Rocha

Afro Centrão

No Núcleo Afro Odomodê, aconteceu o sarau "EmpreteSENDO" (Ampliar imagem)


Para dúvidas ou informações sobre os serviços da Prefeitura, ligue 156 ou use o serviço on-line.


Voltar para o topo

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 3382-6000 (Atendimento ao público de 12h às 19h)
Voltar ao topo do site